Internacionalização - Novo Concurso

Pretende dar o salto para um patamar verdadeiramente internacional?

No âmbito do programa Portugal 2020, o Sistema de Incentivos para a Internacionalização visa reforçar a capacitação empresarial das PME para a internacionalização.

As PME podem beneficiar de um apoio a fundo perdido, com o incentivo máximo de 500.000€ por projeto, com uma taxa de 45% do investimento elegível.

O novo concurso para a Internacionalização pretende apoiar projetos que visem uma das seguintes 3 prioridades:
  • E-commerce e Transformação Digital: dirigido a PME que comercializem, ou que pretendam comercializar, exclusivamente através de canais digitais
  • Brexit: Diversificação de Mercados: dirigido a PME com exposição elevada ao mercado do Reino Unido (taxa de exportação relativa mínima de 15% para o RU)
  • Acelerador de Exportações: dirigido a PME que já exportem (taxa de exportação mínima de 15%, de valor igual ou superior a 20.000€)


Quem pode beneficiar deste apoio?

  • Empresas PME de qualquer natureza e sob qualquer forma jurídica


Prioridade E-commerce e Transformação Digital:

Quais são as condições de elegibilidade para este projeto?

  • Apresentar um investimento mínimo elegível de 25.000€
  • A empresa possuir uma Autonomia Financeira mínima de 15% no pré-projeto
  • Comprometer-se a estabelecer como canais exclusivos de transação comercial os canais digitais


Quais são os investimentos elegíveis?

  • Presença web:
    • Desenho e implementação de estratégias aplicadas a canais digitais para gestão de mercados, canais, produtos ou segmentos de cliente;
    • User-Centered Design (UX): desenho, implementação e otimização de estratégias digitais centradas na experiência do cliente que maximizem a respetiva atração, interação e conversão;
    • Desenho, implementação, otimização de plataformas de Web Content Management (WCM), Campaign Management, Customer Relationship Management e E-Commerce;
    • Criação de lojas online, inscrição e otimização da presença em marketplaces eletrónicos;
    • Search Engine Optimization (SEO) e Search Engine Advertising (SEA): melhoria da presença e ranking dos sítios de comércio eletrónico nos resultados da pesquisa em motores de busca por palavras-chave relevantes para a notoriedade e tráfego de cada sítio;
    • Social Media Marketing: Desenho, implementação e otimização da presença e interação com clientes via redes sociais;
    • Content Marketing: criação e distribuição de conteúdos digitais (texto curto, texto longo, imagens, animações ou vídeos) dirigidos a captar a atenção e atrair os clientesalvo para as ofertas comercializadas pela empresa;
    • Display Advertising: colocação de anúncios à oferta da empresa em sítios de terceiros, incluindo páginas de resultados de motor de busca;
    • Mobile Marketing: tradução das estratégias inscritas nos pontos anteriores para visualização e interação de clientes em dispositivos móveis, nomeadamente smartphones e tablets;
    • Web Analytics: recolha, tratamento, análise e visualização de grandes volumes de dados gerados a partir da navegação e interação de clientes em ambiente digital por forma a identificar padrões, correlações e conhecimento relevante que robusteçam os processos de gestão e tomada de decisão.
  • Campanhas de marketing nos mercados externos (serviços nas áreas de mailing e telemarketing, publicidade e meios de comunicação especializados)
  • Equipamentos e software relacionado com o projeto
  • Criação e registo de novas marcas ou coleções
  • Desenvolvimento de imagem corporativa
  • Estudos, diagnósticos, auditorias e despesas com TOC
  • Contratação de quadros técnicos qualificados.


Prioridade Brexit: Diversificação de Mercado e Prioridade Acelerador de Exportações:


Quais são as condições de elegibilidade para este projeto?

  • Apresentar um investimento mínimo elegível de 25.000€
  • A empresa possuir uma Autonomia Financeira mínima de 15% em 2018
  • Apresentar uma Taxa de Exportação mínima de 15% do VN em 2018 de valor igual ou superior a 20.000€
  • O VN para o Reino Unido representar no mínimo 15% do total das exportações em 2018 (apenas para a Prioridades Brexit: Diversificação de Mercados)

Quais são os investimentos elegíveis?

  • Participação em feiras e exposições no exterior:
    • Arrendamento do espaço
    • Construção do stand
    • Custos de deslocação e alojamento dos representantes das empresas
  • Prospeção e captação de novos clientes:
    • Viagens
    • Alojamento
    • Missões de importadores
  • Campanhas de marketing e ações de promoção nos mercados externos:
    • Publicidade, telemarketing, email marketing
    • Assessoria de imprensa, relações públicas, preparação de eventos
  • Equipamentos e software relacionado com o projeto
  • Presença web:
    • Website ou novas funcionalidades​
    • Loja online e aplicações
    • Traduções
    • Conteúdos digitais (ex. catálogos, vídeo promocional)
    • Publicidade online
    • Adesão inicial a plataformas eletrónicas ou aplicações “Software as a Service”
  • Criação e registo de novas marcas ou coleções
  • Desenvolvimento de imagem corporativa
  • Certificação da Qualidade, Ambiente, RH, SST, etc.
  • Estudos, diagnósticos, auditorias e despesas com TOC
  • Contratação de quadros técnicos qualificados.


Candidaturas abertas:​​

  • Fase I - Prioridade E-commerce e Transformação Digital: até 30 de Março de 2020 - Novo prazo até 13 de Abril de 2020
  • Fase II - Prioridade Brexit: Diversificação de Mercados: até 27 de Abril de 2020 - Novo prazo até 11 de Maio de 2020
  • Fase III - Prioridade Acelerador de Exportações: até 25 de Maio de 2020 - Novo prazo até 8 de Junho de 2020


PRETENDO SABER SE O MEU NEGÓCIO É ELEGÍVEL


"A POWERMETRICS tem larga experiência no apoio à Internacionalização e uma taxa de sucesso muito próxima de 100% na aprovação de projetos deste âmbito"



Ficou com dúvidas sobre este incentivo, ou pretende agendar uma reunião?
Fazemos um enquadramento do seu projeto de forma gratuita e sem compromisso!